Recorde de vendas de VE em 2018 em Portugal

As vendas de veículos elétricos em Portugal com crescimento sustentado em 2018

Em dezembro de 2018 venderam-se em Portugal 727 veículos elétricos, incluindo os VE 100% elétricos (BEV) e os VE híbridos plug-in (PHEV), representando um crescimento de 30% em relação ao mês homólogo de 2017, com 561 unidades vendidas. Estas vendas representam uma quota de mercado de 5.4% dos elétricos, também aqui se registou um forte crescimento em relação à quota de 3.2% atingida em dezembro de 2017.

Por marca e modelo, o Renault Zoe ocupou o 1.º lugar nas vendas (123 unidades vendidas) durante o mês de dezembro, tendo sido o único elétrico puro a estar nos primeiros três lugares. De salientar o 4.º lugar do Tesla Model X, com 44 viaturas vendidas.

Lista dos quinze modelos mais vendidos em dezembro de 2018:

verde os veículos 100% elétricos, a negro os veículos híbridos plug-in.

No ano de 2018 foi pulverizado o recorde anual de vendas de VE

Venderam-se em 2018 quase tantos veículos elétricos, 8.241 viaturas, como nos sete anos anteriores desde que começou a comercialização dos VE em Portugal, onde o acumulado de vendas foi de 8.469. É um recorde absoluto, representa um crescimento de 95% em relação a 2017 e perspetiva um crescimento exponencial mas simultaneamente sustentável das vendas de VE em Portugal:

Todos estes números referem-se a automóveis ligeiros de passageiros (BEV+PHEV), se a estes números adicionarmos os automóveis pesados de passageiros e de mercadorias, os motociclos, os ciclomotores e os quadriciclos, onde se incluem os tuk-tuk, o total de veículos elétricos vendidos em Portugal ultrapassa já a marca das 20.000 unidades.

Lista dos quinze modelos mais vendidos durante 2018:

No acumulado do ano de 2018, os dois primeiros lugares são ocupados pelos dois modelos mais vendidos e mais populares em Portugal, o Nissan Leaf em 1º lugar com 1.593 unidades vendidas e o Renault Zoe na segunda posição com 1.305 unidades vendidas. Estes resultados representam uma quota anual de 3.6% dos VE, um aumento significativo em relação à quota de 2017, que foi de 1.9%. 

Estes números catapultam Portugal para o 3.º lugar na União Europeia a 28 países, no que se refere a VE 100% elétricos:

Se considerarmos os BEVe os PHEV, Portugal posiciona-se na 4ª posição:

Em termos mundiais apenas cinco países estão à frente de Portugal, a Noruega líder incontestado com quase 50% de quota de mercado, depois três países da UE a 28, Suécia, Finlândia e Holanda, a China e no 6.º lugar Portugal.

Existe ainda muito por fazer, no entanto congratulamo-nos pelo que já foi feito desde 2015, quando se repuseram os incentivos à aquisição de um VE e a partir de 2016 quando se relançou a implementação da Rede Pública de Carregamento para VE que é neste momento o calcanhar de Aquiles da Mobilidade Elétrica e precisa de um rápido desenvolvimento este ano para poder acompanhar a explosão das vendas que se prevê com a chegada ao mercado nacional de vários modelos, com mais autonomia e com uma oferta mais diversificada, como sejam: Jaguar i-Pace, Hyundai Kauai, Tesla Model 3, Kia Niro, Nissan Leaf, Kia EV Soul, todos estes com autonomias entre os 400 e os 500 km.

A Mobilidade Elétrica está de parabéns, todos os que já abraçaram uma forma mais sustentável de mobilidade contribuíram decisivamente para cidades mais amigas do ambiente e dos seus habitantes.

Fonte: EV Sales, ACAP