Vilamoura inaugura postos de carregamento para VE

Um Posto de Carregamento Rápido (PCR) e 5 Postos de Carregamento Normal a 22 kW (PCN)

No âmbito da Estratégia Municipal de Adaptação às Alterações Climáticas de Loulé, Vilamoura disponibiliza uma Rede de Carregamento para Veículos Elétricos.

A inauguração contou com a presença do Presidente e Vice-presidente da Câmara Municipal de Loulé, Vitor Aleixo e Pedro Pimpão; do Presidente do Conselho de Administração da Inframoura, José Miguel; da Diretora da Marina de Vilamoura, Isolete Correia; do Presidente do Conselho de Administração da Loulé Concelho Global, David Pimentel; do Presidente do Conselho de Administração da Infralobo, Carlos Manso; do Presidente da Junta de Freguesia de Quarteira, Telmo Pinto; do CEO da Zeev e da EV Power (OPC – Operador de Posto de Carregamento), Carlos Jesus; do Administrador da Mobi. E, Nuno Maria Bonneville; do Presidente do Conselho Diretivo da UVE, Henrique Sánchez; e da Agência Regional de Energia e Ambiente do Algarve.

Esta iniciativa da Inframoura, empresa detida pela Câmara Municipal de Loulé e pela Lusotur , e encarregue da gestão das infra-estruturas de Vilamoura, permite aos moradores e visitantes de Vilamoura poderem recarregar os seus veículos elétricos.

A Rede que está ligada à Rede Pública de Carregamento gerida pela MOBI.E, é composta por 1 Posto da Carregamento Rápido (PCR), instalado na Av. Eng. José Meireles.

Este equipamento tem potência total de 72 kW e disponibiliza os 3 protocolos, CHAdeMO a 50kW em DC, CCS a 50 kW em DC e Tipo 2 a 43 kW em AC.

É possível o carregamento em simultâneo de um VE em (DC (CHAdeMO ou CCS) a 50 kW) e outro em AC (tipo 2 a 22 kW).

Pormenor dos apoios dos três cabos a alturas diferentes, como deve ser:

Fotografia de todos os participantes na inauguração:

 

A Rede conta com 5 Postos de Carregamento Normal (PCN) com 2 tomadas de 22 kW cada.

 

Onde um automobilista com um carro com motor de combustão interna “inaugurou” o uso dos Avisos de Cortesia da UVE:

 

A localização destes postos pode ser consultada no portal da MOBI.E e nas apps do Electromaps e do Plugshare.

Todos os postos estão corretamente sinalizados e a polícia local sabe como distinguir se um carro está em infração:

  • Luz vermelha, VE em infração
  • Luz verde, VE em infração
  • Luz azul, VE em carga
A multa é de 60 euros para as duas situações referidas para os veículo elétricos, estacionados com cabo ligado ou não com luz vermelha ou verde e para todos os outros carros com motores de combustão interna.
Na zona tarifada, o estacionamento não será pago, enquanto o veículo elétrico estiver a carregar.

 

A Associação de Utilizadores de Veículo Elétricos – UVE, saúda mais uma vez esta excelente iniciativa do município de Loulé e da Inframoura grande mentora e promotora desta louvável iniciativa, agradecimentos extensivos ao operador (OPC) EV Power e à gestora da Rede Pública, MOBI.E.

Estas iniciativas, agora que a fase Piloto da Rede Pública está a encerrar e que vamos entrar numa nova fase de desenvolvimento da Rede Pública de Carregamento, sinalizam a vontade das autarquias e dos operadores em promoverem as suas regiões, cativando os moradores e os visitantes e promovendo ações concretas no combate às alterações climáticas, na melhoria da qualidade do ar e do ambiente nas cidades, e na saúde de todos nós.

É a Mobilidade Elétrica.