Vendas de Veículos Elétricos em 2019. Novo máximo!

O ano de 2019 foi de novos máximos nas vendas de Veículos 100% Elétricos (BEV) e Híbridos Plug-In (PHEV)!

A Mobilidade Elétrica veio para ficar e 2020 avizinha-se muito positivo com a chegada de novas marcas e novos modelos, com mais autonomia, com o aumento da pressão política e moral para adoção de medidas mais ecológicas e sustentáveis.

Em todo o ano de 2019, foram vendidos 13.023 Veículos 100% Elétricos (BEV – Battery Electric Vehicles) e Híbridos Plug-In (PHEV – Plug-in Hybrid Electric Vehicles). Novo máximo absoluto de vendas num só ano!

Deste total, 7.225 são Veículos 100% Elétricos (BEV) e 5.798 são Veículos Híbridos Plug-In (PHEV).

De salientar que durante 2019, e muito por força da entrada da Tesla em Portugal com o seu modelo mais popular – o Model 3, nos finais de cada trimestre registaram-se sempre picos de vendas por força da política da Tesla de só divulgar os números de vendas no final do trimestre.

O último trimestre registou um abrandamento nas vendas dos BEV por duas razões principais:

  • Esgotou-se o plafond para os incentivos à aquisição dos veículos elétricos e muitas intenções de compra foram adiadas para janeiro de 2020 para poderem candidatar-se ao incentivo de 3.000 Euros.
  • Algumas marcas adiaram as vendas já fechadas em 2019 para 2020 para já poderem ser contabilizadas as emissões zero dos seus modelos elétricos no total das emissões da cada construtor, pois a partir de janeiro de 2020 entrou em vigor o normativo europeu que penaliza as emissões acima dos 95 g/km de CO2.

Por marca, temos nos 100% elétricos (BEV), a surpreendente entrada da Tesla, com o seu modelo mais popular e mais económico, o Model 3, que permitiu à marca destronar as duas marcas que até agora tinham repartido o primeiro lugar nas vendas: a Nissan e a Renault.

À Tesla pode muito bem aplicar-se o lema de Chegar, Ve(nde)r e Vencer, conquistando assim o primeiro lugar do pódio.

No que se refere aos PHEV, a grande vencedora foi a BMW com uma oferta muito diversificada dirigida fundamentalmente às frotas empresariais.

É agora claro o aumento exponencial nas vendas de Veículos 100% Elétricos e Veículos Elétricos Híbridos Plug-In, representando um parque automóvel de 37.079 veículos matriculados em Portugal (este valor inclui ligeiros e pesados, passageiros e mercadorias, motociclos, ciclomotores, triciclos e quadriciclos), não estando contabilizados as importações de usados, cujos números ainda não foram divulgados.



2010 a 2018 – Fonte: IMT. Contempla todos os veículos elétricos (BEV+PHEV) matriculados.
(*) 2019: vendas BEV e PHEV. Fonte: Autoinforma. Não contempla os veículos usados importados.


Dentro do valor total do parque de veículos elétricos em Portugal, mantém-se a tendência para existirem mais Veículos 100% Elétricos (BEV) do que Veículos Elétricos Híbridos Plug-In (PHEV).



2010 a 2018 – Fonte: IMT. Contempla todos os veículos elétricos (BEV+PHEV) matriculados.
(*) 2019, vendas BEV e PHEV. Fonte: Autoinforma. Não contempla os veículos usados importados.


No comparativo das vendas mensais entre 2019 versus 2018, em dez dos doze meses do ano as vendas de 2019 bateram, e muito, as vendas homólogas de 2018. Em abril estiveram praticamente empatadas e em novembro ficaram abaixo, pelas razões já referidas.



Fonte: Autoinforma, ACAP e EV Sales.


Quando analisamos o ano de 2019, nos primeiros três trimestres os BEV venderam sempre mais unidades, tendo-se invertido esta tendência no quarto trimestre, quer pelo já referido anteriormente, como pelo aumento das vendas de PHEV para as frotas das empresas antes do fecho do ano.



Fonte: Autoinforma.


Como balanço final, 2019 foi um ano magnífico para as vendas de veículos elétricos em Portugal, tendo-se registado um aumento das vendas de automóveis elétricos ligeiros de passageiros de 56.7%, um aumento de mais 4.670 unidades, passando de 8.241 viaturas vendidas em 2018 para 12.911 viaturas vendidas em 2019.

Perspetivamos um ano de 2020 absolutamente disruptivo com a chegada de novas marcas e/ou novos modelos à mobilidade elétrica, como são os casos do Peugeot e-208, o SEAT Mii, o Opel e-Corsa, o Mazda MX 30, o VW ID3, o Volvo XC 40, o KIA e-Niro 64 kWh e KIA EV Soul 64 kWh, o Nissan Leaf 62 kWh, o Renault Zoe 52 kWh (com carga rápida CCS), o Tesla Model 3 SR (o modelo mais económico), e, também com aumento significativo da Rede Pública de Carregamento para veículos elétricos e de diversas Redes Privadas.

Bom e Eletrizante Ano Novo de 2020 !!!